katherine heigl sobre saída de grey’s: “sinto muito”

Me desculpem o atraso (tudo atrasado, minha semana está um pouco atravancada), mas passando só para comentar a confirmação da saída da Katherine Heigl de Grey’s. Eu já disse tudo que tinha a dizer aqui nesse post, mas agora a Heigl saiu na capa da EW fazendo a penitente, logo em seguida a ABC confirmou, as pessoas já estão soltando os cachorros nela e tudo mais.

Esperado, mas ainda assim triste. E fico ainda mais triste porque aquele episódio lá para meados de abril que traria a volta de Izzie, mesmo que para uma derradeira sumida, não acontecerá. A Heigl disse que não é “respeitoso” com a audiência trazer Izzie de volta e fazê-la ir embora de novo. “Nós fizemos isso duas vezes nessa temporada. Começa a parecer um pouco manipulativo”. Bom, acho mais desrepeitoso largar Izzie, uma personagem fundamental de Grey’s, solta na história – tudo bem, realmente da última vez que a vimos ela levou um passa fora de Alex e disse a Meredith que ia tentar em outro lugar, então narrativamente não fica solto, mas eu acho que a personagem merecia algo mais memorável. Repito: essa sexta temporada foi somente um desgaste para quem ainda gosta de Izzie, que teve quase nada, e também para quem não gosta, que ficou batendo pézinho quando ela apareceu (foram o quê, três episódios? Nem sei).

De qualquer maneira, acho meio pau no cu nego ficar querendo pegar pra cristo. Emprego é assim, de vez em quando a gente quer um way out, não é necessariamente ingratidão… Não consigo odiar a Heigl, mas cada um tem direito para ter as antipatias que quer. Ela faz um pouco a linha incoveniente, desnecessariamente, às vezes, mas sempre faz comentários pontuados por inteligência, mesmo em casos polêmicos, quando disse que não tinha material para concorrer ao Emmy (verdade pura, mas indelicadeza com os escritores) ou quando falou do sexismo dos filmes do Apatow (eu amo de paixão o Knocked Up e adoro o Apatow & cia, mas é verdade pura também).

Ela mesma reconhece que poderia ser mais contida às vezes e ter contribuido menos para essa imagem de diva ingrata nesse excerto ad matéria da EW (leia aqui). Certamente é um esforço de relações públicas, ela concordou em falar para tentar limpar a barra e tá precisando porque, te dizer, tem gente dizendo que ela adotou a filha para conseguir jogar agá e se sair do contrato… Sem comentários.

(sobre o talento, acho absurdo. Acho a Heigl uma boa atriz, inclusive provavelmente uma das melhores do elenco de Grey’s – não acho ninguém muito ruim, embora não goste muito da Pompeo – e é a única pessoa do elenco a ter um Emmy, então as pessoas poderiam ao menos respeitar né. Mas sei lá, não gosta não gosta. Só não precisa ficar de paunacuzice).

E com isso, amigos, se encerra mais uma novela da vida real de Grey’s… E aqui a Shonda Rhimes na EW falando um pouco do final da temporada. As palavras GAME CHANGER não me animam tanto – fico pensando em uma maneira de fazer a ER e largar os personagens, tornando tudo ainda mais provisório. Tipo, a série ficar maior que os personagens…

Anúncios

grey’s anatomy sem izzie

Ainda não é oficial, então continua lá no fundo aquela chama de esperança, mas hoje voltaram a aumentar os rumores de saída da Katherine Heigl de Grey’s. O E! Online publicou que depois de 3 anos querendo sair, finalmente ela ia conseguir o “alvará”: a Shonda Rhimes e a ABC teriam concordado em romper o contrato, que prendia a Heigl por ainda mais uma temporada.

Eu bem sei que tanto os fãs americanos como os brasileiros de Grey’s não são muito fãs da atriz (os fóruns estão pululando de xingamentos de má agradecida e similares), acham que ela faz a linha diva sem ter porque, que é mala, que o programa vai ficar melhor sem ela, mas me permitam discordar. Eu vou sentir falta da Izzie, ponto. Eu sei que vai dar para continuar seguindo Grey’s, como tenho feito por essa sexta temporada em que a atriz esteve praticamente ausente o tempo todo – mas tenho a sensação de que vou ficar o tempo inteiro sentindo a falta de algo, sentindo como se algo fosse chegar…

Em certo sentido, Izzie dava leveza e inocência a Grey’s, o que meio que cai para Lexie agora. E eu sei que muito pode ser nostalgia falando agora. Não adianta tapar o sol com a peneira: Grey’s Anatomy não é mais o mesmo programa que era 4 anos antes. Sem entrar nessas de dizer que piorou etc, mas a dinâmica é completamente diferente do que era, embora ainda tenhamos aquela base de emotividade-relacionamentos-casos médicos a serviço da trama. Então é a mesma coisa e não é. O que se pode dizer da Izzie também. Tempos atrás, li um artigo da gringa falando que na verdade nós que sentimos falta da Izzie sentimos falta da Izzie da segunda temporada, sabe. Fiquei refletindo sobre isso, e concluo que é mainly verdade – embora eu tenha apreciado a Izzie até bem depois disso e tenha gostado pra caramba de como lideram com o revival de Alex e Izzie por exemplo.

Todo mundo sabe que a vaca foi pro brejo nessa última temporada. Izzie se tornou excruciante, especialmente porque os roteiristas se esqueceram de quem ela era. O mote era a doença, e isso se prestou a tudo, e de repente ela virou alguém voluntarioso aloka, o que culminou com essa trama de terceira para a saída dela. Por mais que eu super compreenda que as condições de bastidores não eram as melhores, não consigo não culpar os roteiristas. Não, a culpa não é da Katherine Heigl querer ir fazer filme e sair de uma eterna licença-maternidade: os roteiristas têm obrigação de segurar a onda ORGANICAMENTE na série e não foi isso que aconteceu. Izzie de repente não fazia mais sentido nenhum e em suas, sei lá, duas voltas, boa parte dos fãs esculachou e sentiu antipatia.

O mais irritante é dizerem que talvez ela saia sem gravar nada ESPECIAL para isso.Simplesmente não volte mais. Isso sinceramente me tortura e acho indignante que a Heigl e a produção não consigam chegar a um acordo para sequer UM episódio e tenhamos que reviver o caso Isaiah Washington, só que amplificado por se tratar de um do quarteto original.

Porque, vejam só, o T. R. Knight bateu pé para sair e ganhou um belo way out, n’uma finale memorável de Grey’s. Eles tiveram a oportunidade de dar logo a rasteira na Izzie ali e me pergunto, nessa altura do campeonato, porque diachos não fizeram logo isso também… Cortaram da raiz. Na época, a Heigl ficava dizendo que super queria voltar etc… Mas voltar pra fazer isso???? Me mata pensar em Izzie nessa sexta temporada, é agressivo para a memória da personagem, da série, é incompreensível terem feito todo aquele suspense no final da season 5 para trazê-la de volta para PORRA NENHUMA.

Bom. É meio que isso. Talvez a “Izzie original” já tenha morrido mesmo, mas eu ainda alimentava todas as esperanças do mundo de que de alguma maneira se fizesse LUZ nessa história, mas pelo jeito não teremos isso. Deixa eu ir dando tchau à essa sensação de espreita que sinto em todo episódio – especialmente porque continuam creditando uma Heigl que nunca aparece.

RIP Izzie Stevens


(Pois é! Obrigada também por no meio dessa putaria terem maculado toda a história do Denny! Tornar o cara insuportável de ver, lembrar, ouvir! Way to go)

Vencedores do People’s Choice Awards 2010

O People’s Choice Awards 2010 aconteceu nesta noite, premiando de acordo com votação pública aberta os melhores na TV, cinema e música. Vamos nos focar aqui, claro, na televisão. O prêmio mede muito mais popularidade do que qualidade, per si, e nesse sentido foi uma edição honesta e bastante previsível. Foram mais de 60 milhões de votos e isso não pode ser desconsiderado.

Eis a lista dos ganhadores:

Drama Favorito: House
Ator de Drama Favorito: Hugh Laurie (House)
Atriz de Drama Favorita: Katherine Heigl (Grey’s Anatomy)
Comédia Favorita: The Big Bang Theory
Atriz de Comédia Favorita: Alyson Hannigan (How I Met Your Mother)
Ator de Comédia Favorito: Steve Carell (The Office)
Comédia Nova Favorita: Glee
Drama Novo Favorito: The Vampire Diaries
Obsessão da TV: True Blood
Programa de Competição: American Idol
Talk Show Favorito: The Ellen DeGeneres Show

O Hugh Laurie agradeceu o prêmio e o dedicou aos colegas atores do programa “porque eles são realmente fantásticos e é uma honra trabalhar com eles”. Recebendo o prêmio de melhor drama pela série, ele brincou e agradeceu a si mesmo “porque, sem mim, não há nada, e eu sou realmente fantástico e é uma honra trabalhar comigo”.

O Dr. House agradece:


O Carell foi buscar o prêmio

E aqui o agradecimento bem humorado dele:


Os vencedores completos podem ser vistos aqui.

katherine heigl volta para sexta temporada, diz the hollywood reporter

depois da notícia de que t.r. knight não deve voltar a grey’s anatomy (ele participa ad premiere, dizem), agora o alvo das especulações é a outra metade do cliffhanger da quinta temporada: segundo o the hollywood reporter, a atriz katherine heigl volta para a sexta temporada de grey’s, o que significa que izzie stevens irá sobreviver ao câncer.

a abc não comentou a notícia – que não é, portanto, oficial (assim como a do t.r.). de qualquer forma, isso já estava meio desenhado na finale, né? sempre apostei nessa conjuntura. a shonda foi malandrinha e um pouco desonesta, apenas.o preço a se pagar é esse: um tipo desse de informação dificilmente ia ficar protegido até setembro… vazamentos & especulações eram/são inevitáveis.

katherine_heigl

leia também:
t.r. knight não retornará para grey’s anatomy, diz colunista
grey’s anatomy – 05×23/05×24 – here’s to the future/ now or never