mini episódios de true blood

estou bem spoiler-free de true blood (única série que não curto saber antes) e com isso praticamente não tenho visto nada da série. esse trailer de seis mini episódios que a hbo vai lançar como TEASER da terceira temporada me mata. DE SAUDADES de todos os personagens, juro. saudade de sookie, bill, jason, jessica, eric, sam, andy, até da tara. os episódios começam em 2 de maio.

fora isso, só sei que lobisomens devem aparecer mais na temporada e vi também os posteres MATADORES e os teasers bem bolados (fora a série WAITING SUCKS). enfim, tenho consumido a PUBLICIDADE, não os spoilers.

teaser

waiting sucks

tara

sam

eric

jason

bill

sookie

E esses pôsteres? Sensacionais ou o que?

geleia geral – filme de veronica mars

Em entrevista ao Michael Ausiello, o Rob Thomas disse que os rumores de que o filme de Veroncia Mars está morto são exagerados e que há chances da série ainda seguir para as telonas. “Não está morto. Eu continuo querendo fazer. É engraçado, porque os rumores ficam rodando.”

Na verdade, a entrevista não tem nada de diferente do que já sabe: o Rob foi com um rascunho, a Warner não mostrou muito interesse e as coisas estão assim. O fato do Rob dizer que continua interessado em fazer o filme não quer dizer nada. A Kristen Bell também já disse repetidas vezes que toparia. Só falta o pessoal do $$$, ou seja, falta muito.

“Há um grande relógio tique taqueando, (porque) Kristen Bell continua envelhencedo”, diz Rob. A atriz tem atualmente 29 anos. De qualquer maneira, mesmo a série sendo sobre uma detetive adolescente o criador disse que “uma detetive noir de 30 anos em algum ponto do futuro seria interessante para mim”.

______

E uma boa notícia da coluna da semana do Ausiello: a atriz Orla Brady, que interpretou a mãe de Peter em “Peter”, volta para os dois últimos episódios, “Over There, Part 1” e “Over There, Part 2”, que vão ao ar em 13 e 20 de maio. Super curiosa para saber o que vem pela frente.

______________________

E a CW divulgou hoje a data de suas season finales:

12 de abril: Life Unexpected
13 de abril: Melrose Place
12 de maio: ‘America’s Next Top Model,’ (duas horas)
13 de maior: The Vampire Diaries e Supernatural
14 de maio: Smallville
17 de maio: One Tree Hill e Gossip Girl
18 de maio: 90210

__________________

E a HBO vai produzir uma série da Laura Dern. Não só ela interpreta a protagonista (uma mulher destrutiva que tem um despertar espiritual que pode mudar sua vida) como ela também produz a parada. Foram ordenados nove episódios além do piloto, já feito. O outro produtor executivo da série é o roteirista Mike White, de Freaks and Geeks. Os dois imaginaram o mote da série conjuntamente.

geleia geral – mais gente pro elenco de mildred pierce, novidades em parks and recreation e mais

O canal E4 anunciou nesta sexta-feira uma renovação para mais duas temporadas da série Skins – novamente veremos uma troca de geração. Os testes para o novo elenco devem começar em abril. A previsão é de que a quinta temporada da série estréie na Inglaterra em 2011, com apenas 8 episódios nos planos. A quarta temporada encerra sua exibição semana que vem, no dia 18 de março. Esta foi a temporada com melhor audiência da história da série: média de 1.3 milhões de telespectadores.

Tenho a impressão de apesar de achar as duas primeiras temporadas mais bem feitas eu vou acabar sentindo mais falta desse pessoal da nova geração. Para mim, pelo menos, o pessoal da primeira geração era todo muito antipático – e a Cassie, que fugia a isso, terminou ficando over demais (se me permitem a redundância). Mas, bom, vamos dizer tchau. Espero nunca mais ver a Effy na vida! (não a atriz, nada contra).

_________________________________________________

E a Gabourney Sidibe, de Preciosa, emplacou um papel na série The Big C, novidade da Showtime que será protagonizada pela Laura Linney. A informação é do TV Guide.

Gabourney interpretará um personagem regular no seriado, que trata de uma professora com câncer terminal e todos aqueles blábláblás da Showtime que a gente conhece bem (polêmica, desconstrução, humor sem graça etc, enfim, estou meio cansada do canal, mas vamos lá!). A indicada ao Oscar por seu papel em Preciosa viverá uma aluna da Laura Linney – e deverá ser uma aluna MALANDRINHA.

As gravações começam em maio e o programa só estreia na fall season.

__________________________________________________________________

Agora, isso sim é uma boa notícia! Desde que a versão de Mildred Pierce para a HBO com a Kate Winslet nos deslumbrando (esperamos) no papel título foi anunciada, minha curiosidade foi toda para saber quem interpretaria a maliciosa Veda Pierce, filha da mocinha.

E eis que nesta sexta o TV Guide confirma que será ninguém menos do que a Evan Rachel Wood! Agora, eu já coloquei meus receios quanto à Kate ter idade suficiente para ter uma filha adolescente e, de fato, a diferença de idade entre as duas é de 12 anos, mas não vamos ficar aqui FAZENDO CONTA, né?

A filmagem da minissérie começa em abril. Além da Evan, foram confirmados Guy Pearce, no papel de Monty Beragon, interesse amoroso de Mildred, Melissa Leo e Bryan F. O’Bryne (de FlashForward).

Como sabemos, a minissérie será em 5 capítulos e contará a história de uma mãe solteira que luta para sustentar e conquistar o amor da filha (ingrata, IMHO), em Los Angeles, na época da Grande Depressão. O livro de 1941 deu origem ao famoso e sombrio filme de 1945, protagonizado pela Joan Crawford. Todd Haynes (Longe do Paraíso) co-escreveu o roteiro e será produtor-executivo e diretor do projeto.

________________________________________________________

E Parks and Recreation continua em ebulição! Depois do anúncio da chegada de Rob Lowe e de Adam Scott, o seriado agora se despede de um ator: Paul Schneider deve cair fora, pelo menos por agora, da série.

Devo dizer que me arrepiei toda quando vi a notícia sem o nome do ator, porque amo quase todos do programa, mas o Mark não me fará muita falta –talvez em algum momento sintamos necessidade de alguma voz sã no meio daquilo ali, mas não sei, pode ser a própria Ann.

Em entrevista ao Los Angeles Times, o Mike Schur, criador e produtor do programa (um dos) disse que a saída dele sempre foi algo planejada, de certo modo, porque o personagem é baseado em alguém que vai do setor público para o privado (e depois volta de novo). Casou que agora o Schneider está tendo boas oportunidades no cinema e vai precisar se afasta da série. Mas Schurr espera que ele volte para alguns episódios na terceira temporada. “Nós realmente gostamos dele como ator e como ser humano, então estamos esperando que tudo dê certo e ele retorne”.

O relacionamento entre Mark e Ann, entretanto, deve dançar de vez. O Schurr disse que em uns dois episódios começa o arco que vai mostrar o fim do casal. Ele disse que demorou para isso acontecer, apesar dos planos, porque a Rashida Jones estava de folga enquanto filmava com o David Fincher.

Sobre os novos atores, Schur foi muito entusiástico. “Ele (Rob Lowe) foi muito engraçado na leitura. Ele e Adam estão os dois fantásticos. Foi muito animador”. Segundo ele, Rob e Adam chegam como parte de um time enviado de fora para ajudar Pawnee em algumas dificuldades que a cidade está tendo com o orçamento. A storyline será baseada em notícias e atualidades sobre cidades e estados sofrendo e tendo que despedir gente e até com Idaho ameaçando fechar completamente o Departamento de Parques (segundo o Schurr! Rs).

Vamos aguardar as novidades NA TELA!



___________________________________________

E essa veio do Ausiello: nova sitcom da Fox com Will Arnett + Keri Russell + Mitch Hurwitz (criador de Arrested Development). É Wilde Kingdom, single-camera com viés romântico. James Vallely, de Arrested, também está no projeto, e além de atuar Arnett também será escritor e produtor.

No projeto, Arnett vive Steve Wilde, um playboy auto-centrado de Beverly Hills que se apaixona por uma humanitária abnegada (Russell).
Sença.

geleia geral – HBO e Kate Winslet, Claire Danes e novo pôster de Breaking Bad

Então, aquele boato de que a Kate Winslet ia fazer uma minissérie de “Mildred Pierce” para a HBO foi oficialmente confirmado nesta quinta-feira (11), pelo The Hollywood Reporter. Será uma mini de cinco horas dirigida pelo Todd Haynes (“Longe do Paraíso”, “I’m Not There”), baseada no livro do James M. Cain – de resto, como o clássico filme de 1945, protagonizado pela Joan Crawford.

A Kate vai interpretar a personagem-título, uma mãe orgulhosa e abnegada que luta para sustentar sua filha durante a Depressão – e também para ganhar o respeito da filha, uma mimadinha sonsa (rs). Estou muito curiosa para ver quem vai interpretar a

A produção deve começar em abril em Nova York. Haynes será produtor-executivo e também adaptará o livro para a TV, com Jon Raymond. Este será o primeiro papel de Winslet em uma produção americana para TV – ela já participou de “Extras”, do Ricky Gervais, também da HBO.

É impressionante como tem comentários moralistas e retrógrados a la Pedro Cardoso sobre a Winslet, gente falando “quero ver como ela vai encaixar uma cena de nudez aí” e coisas similares. Parece que realmente pertuba a essas pessoas o fato de que ela apareceu nua em tantos filmes – e eu sei que a própria Kate já comentou que isso a abalou também, mas me parece algo tão absurdamente secundário em relação a tudo na filmografia dela que fico me perguntando que tipo de pessoa faz questão de comentar isso… Quer dizer, você vê as palavras Kate Winslet, HBO, Tood Haynes, Mildred Pierce, Emmy-to-be e tudo que tem a dizer é “aposto que ela vai conseguir ficar pelada nesse também”? Lame.

No mais, realmente é um papel que dá toda aqueal ansiedade de que a Kate possa ganhar um Emmy e se qualificar para ficar de vez na luta pelo EGOT (Emmy Grammy Oscar Tony), lembrando que ela já tem um Grammy (2001, Melhor Album Falado para Crianças, por “Listen to the Storyteller) e um Oscar (2009, “The Reader”). Glorioso, não?

____________________

Outra produção da HBO para 2010 que promete arrebanhar prêmios é o telefilme autobiográfico “Temple Gradin”, sobre a médica autista. A Claire Danes está no papel título e parece que vai ser bem bom.

Sinopse: Diagnosticada como autista aos dois anos de idade, Temple Grandin passou por momentos difíceis enquanto estava na escola, onde era chamada pelas outras crianças de gravador por repetir o que era dito sem parar. Depois de sair do colégio, ela possuía notas para freqüentar diversas universidades e escreveu uma série de artigos sobre o comportamento animal. Temple é PhD em ciência animal.

Elenco: Julia Ormond, Catherine O`Hara, David Strathairn e Claire Danes como Temple Grandin.

Direção: Mick Jackson
Ano: 2010
País: EUA
Gênero: biografia, drama

Trailer:

______________________________________________

E já que estamos por aqui vamos curtir um novo pôster de Breaking Bad:

Chris Albrecht, ex-HBO, irá comandar o Starz

O antigo CEO da HBO, Chris Albrecht, volta a trabalhar em um canal a cabo, desta vez o Starz, segundo anunciou nesta terça-feira (22) o Josef Adalian, do TV MoJoe. Ele irá trabalhar com o CEO do canal, John Malone.

É um grande passo para o Starz, que sai de um canal baseado quase que unicamente em filmes para investir mais em programas originais. O antigo chefe do Starz, Bob Clasen, está se afastando – ele anunciou sua
aposentadoria.

Albrecht trabalhou na HBO por duas décadas, sendo chefe de programação original por sete anos – ele estava lá durante a criação e lanlamento de série como Sex and the City, os Sopranos, Deadwood e Entourage. Ele deixou o canal em 2007, depois de ser acusado de atacar sua namorada na época em
Las Vegas. Seu nome esteve ligado a alguns incidentes de violência doméstica.

Depois da HBO, Albrecht esteve por um período na IMG, mas saiu por “diferenças criativas”. Recentemente, ele estava trabalhando em sua própria companhia, a Foresee Entertainment. “Nós encontramos as
características certas e uma história de sucesso com Chris e estamos satisfeitos de tê-lo liderando a Starz”, disse Malone.

Já Albrecht disse que espera ansiosamente por “pelos desafios e oportunidades que emergem no entretenimento”. Ele disse também que sempre viu o Starz como uma marca empreendedora e orientada para adultos, o que acredita que será “uma ótima casa para mim”. “Espero ansiosamente colocar minhas experiências e interesses para trabalhar com esse taletonso time gerenciador da Liberty e da Starz e criar produtos de valor para os consumidores”.

Aguardemos pelo melhor, pois!