palpites para o emmy: série de drama

Bom, as tão aguardadas indicações sairam e agora é só lutar contra a ansiedade & o tempo até 29 de agosto, quando conheceremos os vencedores do Emmy 2010. É só um prêmio e, claro, muito falho, mas de qualquer modo é o prêmio mais importante da televisão. Resolvi começar a palpitar nas principais categorias e vou começar logo pelo que é considerado o prêmio mais importante de todos: melhor drama.

BREAKING BAD (AMC)


Breaking Bad sempre foi uma série espetacular. Tem três temporadas que eu considero impecáveis – nem todos os episódios são sensacionais, mas não existe nenhum ruim e, sinceramente, isso é mais do que posso dizer de quase todas as outras séries que aparecem por aqui. Tendo isso em conta, a terceira temporada de BB conseguiu ser ainda melhor – os caras levaram as coisas para outro nível. Eles exigiram mais de seus personagens, aumentaram o escopo e deixaram o campo pronto para o que seria uma temporada final – a quarta, ainda não definido com certeza. Vince Gillighan conseguiu combinar na série a ação, sempre empolgante, com um absurdo estudo de personagens. Para melhorar, ainda conta com um elenco que periga ser o melhor da TV, sem exageros – pelo menos a dupla Bryan Cranston e Aaron Pauls é imbatível. Meu ponto é: Breaking Bad ganhar um Emmy nunca seria injusto, mas a série não conseguiu ainda superar o status de cult, não chegou de vez aos votadores do Emmy, ao que parece – a ausência de indicações para gente do elenco que foi decisiva na temporada, como Anna Gunn e Dean Norris, é a prova de que talvez o pessoal do Emmy nem tenha curtido tanto assim. Acho que tem chances (melhor temporada, again), mas corre por fora.

DEXTER (SHOWTIME)


Já meio que me acostumei com a ideia de que só eu e uns outros gato pingados consideramos essa quarta temporada de Dexter como um dealbreaker com a série (mais sobre isso aqui). Para mim, os roteiristas de Dexter estão presos aí em um impasse criativo e esta quarta só não foi a pior da série porque existe a terceira (pfff), porque teve o Lithgow e porque conseguiu virar o jogo com um gancho fatal na season finale. Não é pouca coisa, admito – até eu fiquei atarantada ao final de Dexter, isso depois de passar a temporada toda sem me sentir envolvida. Mas já disse antes: não perdôo uma temporada errática por cinco minutos de impacto (às custas de muito furo no roteiro, por sinal). A despeito do que pode acontecer na quinta temporada (espero que a série consiga se reinventar um pouco), para mim Dexter don’t stand a chance com o pessoal cachorro grande dessa categoria. Seria realmente impressionante (e triste) ver essa série ser reconhecida como melhor  do que Breaking Bad ou Mad Men… Imagino que o Emmy não odiou a temporada como eu, claro, de outro modo não teria deixado-a ficar aqui no lugar de House, Big Love, da ausente Treme. Mas acredito que Dexter não leva, vai ficar a lembrança, o reconhecimento.

THE GOOD WIFE (CBS)


É difícil julgar o potencial de uma série nova, mas a julgar pelo Globo de Ouro, Good Wife tem boas chances de fazer uma boa noite na entrega do Emmy – mas tão boa a ponto de levar esta categoria? Foi uma das estreias mais surpreendentes da temporada – trama redondinha, mistura de procedurals com uma trama mais pessoal e a longo prazo, um elenco muito afiado. Está na cara da série que ela foi feita para agradar premiações. Ela é boa sem ser transcendental, é um drama de TV aberta que consegue segurar a onda (somente esta e Lost, aqui nesta categoria, não são programas de TV a cabo). Dito isso, ainda considero implausível que Good Wife saia com o troféu principal nas mãos. É boa, mas fica meio pálida em comparação com outras que estão ao seu lado.

LOST (ABC)


Lost tem a favor de si o fator FIM. Não sei até que ponto a Academia vai estar disposta a dar um farewell digno de uma das séries mais importantes de todo tempo. Vão ficar nas indicações, já surpreendentes, trazendo o Matthew Fox? Ou vão realmente sair premiando? Difícil dizer, mas toda premiação curte essa despedida (os caras indicaram o Shalhoub). Mas que dureza dizer que essa temporada de Lost foi a melhor coisa do ano! O final da série teve muita aceitação entre o público (surpreendente para mim), mas os críticos pareceram gostar com ressalvas. Diria que Lost tem uma chance 50-50 de sair com o prêmio e, para mim, é uma das favoritas da categoria – seria o adversário perigoso e imprevisível de um jogo de futebol (/Lula).

MAD MEN (AMC)


Aí chegamos em Mad Men. Quem não gosta tem enjoo, mas não pode fazer nada a não ser se resignar. A terceira temporada de Mad Men foi estupenda. ESTUPENDA. Tava olhando a lista dos episódios estes dias e foi UM MELHOR QUE O OUTRO. Não tem outra maneira de colocar isso, mas, no duro, Mad Men continua sendo a favorita a levar o prêmio de melhor série de drama por continuar sendo a melhor série de drama da televisão. Tem o cansaço de dois anos seguidos vencendo mas, bom, West Wing (outra série sensacional) levou cinco consecutivos. E pelo jeito o Emmy gostou muito da temporada também (primeira indicação para a January Jones, coube até a Hendricks, que apareceu menos na temporada etc). Continua sendo a série a se bater.

TRUE BLOOD (HBO)


Mas que grande surpresa, ein, amigos? True Blood! O Emmy solenemente ignorou o hype no ano passado, mas se rendeu ao CARROSSEL que foi esta segunda temporada. Simplesmente irresistível. Vai levar? Não vai. O Emmy não gosta de vampiros! Mas é bom para o pessoal aparecer na festinha, a gente ver o Eric e blas (por sinal, das séries desta categoria TB foi a única a não ter ninguém do elenco indicado aos prêmios de atuação)

Resumão
Favoritas: Mad Men, Lost
Correm por fora: Good Wife, Breaking Bad

Indicados em 2009 (vencedor em negrito)

“Big love”
“Breaking bad”
“Damages”
“Dexter”
“House”
“Lost”
“Mad Men”

Autor: carol

there ain't no catcher in the rye vamo se jogar!

1 thought on “palpites para o emmy: série de drama”

  1. Sorry, mas acho que Dexter tem sua chance. Foi uma grande temporada, na minha opinião. Nenhum episódio deixou de me dar vontade de ver o próximo – coisa que não acontece no House, por exemplo.

    Mas é a opinião de cada um.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s