the good wife – 01×15 – bang

Apesar de toda a expectativa criada com a volta de Peter, a série opta por tratar o assunto de uma maneira um pouco low profile, cautelosa, um pouco como a própria Alicia está lidando com o fato de seu marido estar de volta para casa depois de tantos acontecimentos – e tanto tempo. É palpável que ela se sente um pouco intimidada e perdida com a presença de Peter, sem saber direito o que achar, e o fato de que ele sempre estará lá não ajuda isso a melhorar.

No mais, o episódio teve seu lado de caso n’uma vibe Damages, com um caso de um investidor que desviou dinheiro e foi assasinado, teve uma parte que nunca consegue me interessar muito de Diane e o perito em balística (que acabam inocentando o cliente), mas vamos ao que realmente interessa aqui: Zach informa ao pai dos pacotes entregues por tanto tempo em segredo na casa e entra em cena um novo personagem, Eli Gold, gerente de campanha de Peter, um cara daqueles que fala o que pensa etc.

Peter que decide voltar à cena depois de perceber o que seus adversários estão fazendo – exatamente quando observa as fotos alteradas no computador. O novo cara é direto, chega chutando a porta e quer ser ouvido. Pode ser interessante, mas exatamente o quê Peter pretende fazer ainda não ficou claro para mim. Peter está sendo investigado, investigação federal, ok, mas por quê? Tem mais caroço nesse angu? (E, sinceramente, até o FBI quer a Kalinda? Acho meio forçado).

No caso da semana, por sinal, Cary aparece mais do que Alicia, até porque Will pede que ela seja trocada e não é receptivo quando ela quer conversar – só para depois assumir que achava que ela precisava de tempo para pensar. É paternalista, invasivo e chato, em minha opinião (e eu adoro o josh charles!). Essa vibe de que Will é afim da Alicia sempre foi algo que muito me desagradou e espero sinceramente não ver a série trilhando esse caminho. Pelo menos não por agora.

The Good Wife
CBS
Primeira temporada
Episódio quinze
Escrito por Courtney Kemp Agbo
Dirigido por Rod Holcom

Autor: carol

there ain't no catcher in the rye vamo se jogar!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s